• denuncias
  • peticionamento
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
  • Notícias
  • MPT-MA participa de evento pelo Dia do Auditor Fiscal do Trabalho e pelo Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo
  • estagio
  • PROTOCOLO ADMINISTRATIVO
  • AREAFIM
  • Banner Denúncia
  • agendaestrategica
  • MPT-MA divulga resultado final do seletivo
  • Clique na imagem para fazer o cadastro. É rápido e fácil.
  • Petições jurídicas devem ser feitas no sistema próprio. Acesse aqui.
  • Saiba como fazer sua denúncia ao MPT-MA
  • Veja a Agenda Estratégica do MPT-MA (2018-2019)

MPT-MA participa de evento pelo Dia do Auditor Fiscal do Trabalho e pelo Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo

Prestar homenagens e combater o trabalho escravo. Estes dois imperativos deram o tom do evento alusivo ao Dia do Auditor Fiscal do Trabalho e ao Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo. Realizado na manhã desta terça (28), na Superintendência Regional do Trabalho no Maranhão, o encontro contou com a presença do procurador-chefe do MPT-MA, Maurel Mamede Selares, e de representantes de diversos órgãos, pesquisadores da UFMA, alunos e professores de escolas públicas.

O Dia do Auditor Fiscal do Trabalho é celebrado na mesma data do Dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo. A coincidência tem uma razão de ser: em 28 de janeiro de 2004, três auditores-fiscais do Trabalho e um motorista do antigo Ministério do Trabalho foram mortos em uma emboscada que ficou conhecida como a Chacina de Unaí (MG). Até hoje nenhum mandante do crime foi punido.

Procurador- chefe do MPT-MA destaca a importância de combater o trabalho escravo
Procurador- chefe do MPT-MA destaca a importância de combater o trabalho escravo

Na abertura, o procurador-chefe do MPT-MA, Maurel Mamede Selares, prestou homenagem aos quatro servidores assassinados na chacina. “Morreram homens, mas, o trabalho continua. O auditor-fiscal do Trabalho tem como missão defender os trabalhadores. E ele precisa ser reconhecido por desempenhar um papel tão nobre na sociedade”, lembra.

O superintendente do Trabalho no Maranhão, Álvaro Veloso, destacou a importância da data e pontuou que as fiscalizações trabalhistas precisam continuar para que todos trabalhadores tenham seus direitos respeitados. “As fiscalizações são essenciais para o cumprimento dos direitos trabalhistas. Os quatro homens que foram mortos em 2004 estavam em pleno serviço, buscando devolver dignidade aos trabalhadores. O dia 28 de janeiro foi escolhido para dizermos que as fiscalizações continuam e a história segue”.

O evento também divulgou os vencedores do Concurso de Desenho, Frase e Redação da Campanha Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho. Os alunos vencedores ganharam certificado e tablet.

 

Imprimir

  • banner pcdlegal
  • banner abnt
  • banner corrupcao
  • banner mptambiental
  • banner transparencia
  • banner radio
  • banner trabalholegal
  • audin MPU
  • Portal de Direitos Coletivos